Gazebo e suas belas qualidades

Bangalô e Gazebo madeira eucalipto tratado autoclave autoclavado telhado cabana estrutura kioski rustico bangalo gazebo Modelos Preço m2 Campinas Valinhos Vinhedo Paulínia Indaiatuba

Bangalô e Gazebo para piscina e jardim

Aprendendo hoje um pouco mais sobre gazebo

Proteger e revelar.

A dualidade de funções do gazebo remete às sensações de aconchego e liberdade oferecidas pela construção.

Usada em jardins desde a Grécia antiga.

A estrutura coberta oferece a possibilidade de aproveitar os espaços externos sem exposição direta ao sol ou à chuva.

As paredes laterais em alvenaria – ou pelo menos parte delas – inexistem.

No frio, o fechamento em vidro ou com persianas mantém o espaço visualmente livre.

Essas estruturas são uma alternativa para quem não pretende deixar o inverno sabotar os momentos de desfrute da natureza.

Voltados ao convívio familiar, ao relaxamento, a momentos de leitura ou para receber visitas, as construções por si só já chamam a atenção.

Os materiais usados para obter conforto variam.

Metal, madeira e alvenaria combinam-se com vidros e persianas para obter a luminosidade e o grau de integração com o exterior nos níveis desejados.

Cada vez mais elaborados

Os gazebos atualmente contam com bons móveis e equipamentos eletroeletrônicos.

Como televisores e ar condicionado, que otimizam o aproveitamento dos espaços nas mais diversas ocasiões.

Eles podem ser posicionados em um canto do terreno, na continuidade da casa, no terraço do apartamento ou independentemente e com vista para o mar.

O PROJETO DO GAZEBO

Como em qualquer obra, é preciso um bom planejamento para garantir a segurança dos usuários.

Dependendo da área e da estrutura utilizada, será preciso analisar o solo e fazer a fundação adequada.

A estrutura metálica, por exemplo, pede uma fundação mais simples, muitas vezes apenas com sapata corrida.

“Tudo depende da característica de cada uma delas, como o terreno, peso da obra, ação de ventos e possibilidades de fixação. Cada caso merece um estudo muito bem feito”,

Diz engenheiro Antonio Carlos Ameruso Gomes.

“A cobertura pode ser feita com telhas (de cerâmica, concreto ou madeira), vidros ou ainda palha, para proporcionar um clima mais rústico. Quando a opção for feita pelo vidro, ele deve ser laminado e, se possível, duplo, para um melhor isolamento térmico”,

Explica a arquiteta Zaira Schlieper.

FONTE: Revista Casa & Construção

Gazebo e suas belas qualidades
Avalie esta página